20190528_grafico

Mai 28

Os dados semanais da SECEX/ME apontam que nos primeiros 17 dias úteis do mês de maio (de um total de 22 dias úteis) o Brasil exportou, em média, pouco mais de 17.130 toneladas diárias de carne de frango in natura, volume que perfaz, até aqui, um total de 291.219 toneladas.

Comparativamente às três semanas anteriores, o volume embarcado na quarta semana do mês (19 a 25, cinco dias úteis) sofreu sensível retração. Notar, porém, que, mesmo assim, o total acumulado em quatro semanas já supera o que foi exportado em janeiro e fevereiro (260.679 e 289.756 toneladas, respectivamente), além de se encontrar muito próximo do que foi exportado nos dois últimos meses (317.884 e 310.836 toneladas em março e abril, respectivamente).

Em outras palavras, como faltam, ainda, os embarques desta semana para o fechamento do mês (mais cinco dias úteis), maio tende a registrar o maior volume mensal dos cinco primeiros meses de 2019. Mas não só isso, pois, pelo desempenho atual, sinaliza embarques próximos de 377 mil toneladas de produto in natura – o que, se confirmado, corresponderá ao melhor maio de todos os tempos, superando as quase 354 mil toneladas de maio de 2016, até aqui o recorde do mês.

Os bons indicadores, no entanto, não cessam aí. Porque, pelos resultados ontem divulgados, o preço médio do mês se encontra em US$1.726,20/tonelada, valor que representa valorização de, praticamente, 8% sobre o mês anterior e de quase 13% sobre o mesmo mês do ano passado (US$1.599,59/tonelada em abril/19 e US$1.527,98/tonelada, segundo dados corrigidos da SECEX/ME).

 

Fonte: Avisite

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *